Limpeza da piscina: qual a importância de fazer regularmente?

jan 17, 2024 | Bomba dosadora, Tratamento de água | 0 Comentários

A limpeza da piscina não é uma atividade que deve ser feita apenas durante as férias ou no verão. Dos motivos financeiros aos sanitários, a recomendação é criar um plano de monitoramento e manutenção para garantir um mergulho saudável.

Aliás, a água parada nesse lugar também cria um ambiente propício para a proliferação de mosquitos transmissores de doenças. Por exemplo, o Aedes Aegypti, que transmite a dengue, assim como febre-amarela, chickunguya e zika. 

Portanto, é preciso atenção e seriedade para não transformar o lazer e a diversão em dor de cabeça, literalmente.

Neste blog, conheça todos os detalhes sobre a importância da limpeza da piscina e saiba quais as melhores dicas para fazê-la regularmente. Inclusive, com a dica sobre uma das melhores tecnologias para o tratamento da água.

Por que fazer a limpeza da piscina regularmente?

Existem vários motivos para fazer a limpeza regular da piscina, seja em casa, em hotéis, em pousadas, em clubes ou qualquer outro lugar. 

Abaixo, selecionamos os principais, que garantem o bom desempenho do lugar, assim como o bem-estar das pessoas.

Segurança

Quando não acontece a limpeza da piscina, uma série de problemas de saúde surgem. Afinal, a água não tratada desenvolve microrganismos e parasitas. Um dos melhores exemplos para entender é a doença de pele conhecida como coceira do nadador.

A água suja também causa infecções nos olhos, ouvidos e gargantas. E, quando ingerida, mesmo que em pouca quantidade, acarreta sintomas semelhantes ao da gripe. 

Economia

A limpeza da piscina também é benéfica para o bolso. Os proprietários que mantêm um cronograma de manutenção regular têm menos problemas relacionados aos reparos imediatos, que são bem mais caros.

A manutenção preventiva é mais barata do que a manutenção corretiva. E tem mais: ao limpar filtros e tratar a água, é possível manter a piscina funcionando bem por mais tempo.

Durabilidade

Piscinas cuidadas são mais duráveis. O aumento da vida útil delas é considerável, podendo ultrapassar as décadas. 

O estado de conservação é outra característica que pode ser notada nesses casos de manutenção e higiene constantes.

Como fazer a limpeza da piscina?

Como fazer a limpeza da piscina

Dada a importância do assunto, o próximo ponto é entender como pode ser feita essa manutenção constante. Por isso, separamos abaixo algumas dicas essenciais para tornar essa atividade eficiente, do tratamento da água à retirada de itens externos.

Conforme a Associação Nacional das Empresas e Profissionais de Piscinas, a “maneira mais eficiente de evitar a proliferação da dengue [e outros problemas] na piscina é a partir de uma rotina de limpeza e manutenção do local”. 

Detritos

Remover os detritos, tanto os que boiam quanto os que ficam no fundo da piscina, é uma medida interessante para manter a limpeza regular. Para isso, usa-se redes ou aspiradores.

Paredes

O chão e as paredes da piscina também devem ser limpos usando ferramentas apropriadas ou de forma manual. Dá para fazer o trabalho com a escova para piscinas, por exemplo.

Filtro

O skimmer, os cestos da bomba e os filtros devem ser verificados com frequência. O motivo é: se entupidos ou sujos, eles podem prejudicar o funcionamento da piscina e causar problemas.

Água

E, não menos importante, a água. A recomendação é ajustar os níveis de cloro, alcalinidade e pH conforme indicações. O que deve ser feito semanalmente, geralmente.

A manutenção com a água da piscina é importante!

A limpeza da piscina tem que considerar o tratamento da água por vários motivos: evita o desperdício, gera economia e garante a segurança das pessoas.

Quando não há tratamento, a água pode propagar bactérias, algas e fungos, além de se tornarem criadouros de mosquitos.

Se isso acontecer, é preciso que se faça a troca de todo o líquido da piscina. Porém, com o cuidado regular, a água pode ser reutilizada, gerando os benefícios citados acima.

O controle do pH e do nível de cloro, por exemplo, é uma proteção necessária contra a proliferação de algas e bactérias. A recomendação é fazer o uso de produtos químicos e testar a água para garantir a qualidade dela.

Por outro lado, a supercloração (excesso de cloro) é perigosa. O elemento reage com as substâncias orgânicas e inorgânicas da água, podendo causar irritações e agravando casos de alergia. Em situações mais severas, provoca intoxicações.

Então, qual é a solução para tratar a água da piscina? O uso de bombas dosadoras.

As bombas dosadoras na limpeza da piscina

Bombas dosadoras na limpeza da piscina

A qualidade da água e os níveis de cloro são definidos pelo Ministério da Saúde. Basicamente, o teor mínimo é de 0,5 miligramas por litro e máximo de 2 miligramas por litro de cloro residual livre.

As bombas dosadoras são necessárias para controlar os parâmetros da água, além da quantidade de cloro, como:

  • pH,
  • Cor,
  • Turbidez,
  • Flúor,
  • Coliformes,
  • Bactérias,
  • Odor,
  • Gosto e outros.

Assim, a aplicação do cloro será sempre na quantidade e frequência exata, levando todos os fatores acima em consideração. Dessa forma, há a garantia de um tratamento eficiente, fazendo com que a limpeza da piscina chegue aos seus melhores resultados.

Na Exatta, você encontra o dosador de cloro automático. Ele promove a dosagem correta do químico e dispensa a necessidade da intervenção humana. O dispositivo garante precisão e torna o processo mais seguro porque:

  • Mantém a água sempre saudável;
  • Automatiza o tratamento da água;
  • Gera maior economia na limpeza; e
  • Mais assertividade na manutenção.

A Exatta Bombas é uma fornecedora de bombas que está há mais de 20 anos no mercado. Com investimentos em pesquisa, desenvolvimento e sustentabilidade, fabrica produtos de alta tecnologia. Ao todo, são mais de 200 mil equipamentos no país todo.

Conheça o catálogo de bombas dosadoras da Exatta!

Para continuar acompanhando outros materiais como esse, acompanhe nosso blog.

5/5 - (1 vote)

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *